O que você precisa saber antes de abrir um negócio

junho 18, 2020

Dois terços dos brasileiros, ou seja 66% da população, quer abrir a própria empresa para ter mais liberdade e autonomia profissional. Esse dado é fruto de uma pesquisa realizada pela MindMiners sobre empreendedorismo no Brasil. A pesquisa foi encomendada pela norte-americana PayPal.

Apesar do forte desejo de ter o próprio negócio, os brasileiros também têm muito receito antes de abrir uma empresa. Por isso, fizemos uma lista do que é preciso avaliar antes de se aventurar no mundo do empreendedorismo.

Além de analisar se as oportunidades de negócio são condizentes com seus conhecimentos profissionais e afinidades, abrir uma empresa tem muito a ver, também, com questões formais como a escolha de um contador para auxiliar na documentação junto à Prefeitura, Junta Comercial e solicitação do número do CNPJ.

Neste momento é preciso:

  1. Consultar de viabilidade e nome empresarial;
  2. Registrar a empresa na Junta Comercial ou no Cartório de Pessoa Jurídica;
  3. Registrar o CNPJ no site da Receita Federal;
  4. Registrar-se na Secretaria Estadual da Fazenda (para empresas que produzem bens ou vendem produtos) ou na Prefeitura Municipal (para empresas que prestam serviços);
  5. Emitir o alvará de funcionamento junto à Prefeitura Municipal;
  6. Cadastrar a empresa na Previdência Social;
  7. Preparar o aparato fiscal para emitir notas fiscais e autenticação de livros fiscais.

Além do Contrato Social, outros documentos serão necessários em várias etapas da formalização da empresa: documentos dos sócios (RG, CPF, comprovante de endereço), número de cadastro fiscal do contador, cópias de alvará e CNPJ, direito de uso de imóvel, formulários de cadastro próprios. É importante verificar com atenção que documentos devem ser apresentados em cada fase para concluir o processo sem problemas.

Apostar num plano de negócios é essencial?

A resposta é sim. O plano de negócios tem que ser verdadeiro e o empresário tem que pensar que todo negócio demora um tempo para decolar. Por isso, é fundamental ter esse tipo de planejamento, que vai servir como mola propulsora do negócio durante toda a sua vida.

O plano de negócios incorpora informações verdadeiras provenientes de um estudo de mercado, de planejamento financeiro, fluxo de caixa, previsão de vendas, entre outros. Assim, você deve incluir nesse planejamento como atender à demanda pelos produtos ou serviços que oferece, enfrentar períodos de sazonalidade e suprir a mão-de-obra, por exemplo.

Como avaliar a reserva de capital necessária?

Seja sincero: um dos seus maiores medos na hora de pensar em montar um negócio é perder dinheiro, certo? Por isso, é preciso sempre ter uma reserva mínima para dar início ao negócio.

Esse capital é importante, pois dificilmente um negócio funciona como o planejado. A reserva financeira vai ajudar a resolver os imprevistos, que costumam acontecer nessa fase de criação do negócio.

Trabalhar com cautela para suprir cenários mais pessimistas faz com que o negócio esteja sempre preparado para enfrentar chuvas e trovoadas. Mas, saiba que mesmo com o melhor cenário, de início a empresa nova vive alguns imprevistos, e existe pouco acesso ao crédito, que é caro.

Para evitar problemas, comece pequeno. Se você quer montar um site de vendas de roupas, por exemplo, pode começar em um espaço pequeno, com uma modesta infra-estrutura, que não demande altos investimentos – ou, até mesmo, começar trabalhando em casa. Lembre-se que quanto menor o investimento, menor o risco! ?

Quando é o tempo certo para empreender?

“Se você não fica envergonhado com a primeira versão do seu produto, você demorou demais para lançá-lo.” –A frase do fundador do LinkedIn, Reid Hoffman, nos lembra que não existe tempo certo para empreender.

É claro que é preciso se programar financeiramente até que o negócio se torne economicamente viável, entender e aprimorar os serviços ao que a sua empresa se propõe, trabalhar para se destacar em meios aos seus concorrentes. Mas além de se preparar tecnicamente é preciso ter paixão para empreender. Entender que o seu negócio sempre estará em modificação para ter sucesso a longo prazo.

A cada nova mudança, novos investimentos podem ser feitos. Neste momento, lembre-se, a Garantinorte – PR e demais Sociedades Garantidoras de Crédito estão sempre a postos para ajudar micros e pequenos empresários. Ouse! Empreenda!

O que nos move é a realização do seu sonho!

Menor taxa de juros do mercado para investir na sua empresa